Plano de Vacinação Contra Covid-19

Missão: Cuidar de todos

Início da primeira fase: 19 de janeiro
Locais: Ginásios de escolas municipais (veja endereços abaixo) | Drive thru | Domicílio (por agendamento)
Agendamento de idosos com restrição de locomoção: 3214-7219 e 3214-7971

Documentos necessários:

  • Documento que comprove condição de prioritário (Documento para comprovar função, documentos pessoal para comprovar idade, declarações médicas, exames e receitas de medicamentos de uso contínuo)
  • Cartão do SUS ou o número do CPF

Locais de Vacinação

Lista de Ginásios

Distrito Sanitário I

Escola Municipal Lynaldo Cavalcante – Rua da Ação, s/n, Bairro das Indústrias

Escola Municipal Anayde Beiriz – Rua Cajazeiras, s/n, Bairro das Indústrias

Escola Municipal Papa Paulo VI (R. Dep. José Tavares, s/n – Cruz das Armas)

Escola Municipal Dom José Maria Pires (R. Ambrósio Rodrigues de Souza, 71-189 – Oitizeiro)

Escola Municipal Professor Oscar de Castro (Av. Lima Filho, 147 – Cruz das Armas)

Distrito Sanitário II

Escola Municipal Francisco Pereira da Nóbrega – Rua Elias Cavalcanti de Albuquerque, s/n, Cristo

Escola Municipal Jornalista Raimundo Nonato Batista (Gramame)

Escola Municipal Fernando Milanez (Colinas do Sul)

Escola Municipal Professor Darcy Ribeiro (Rua Gisonita da Silva Pereira – Funcionários II)

Distrito Sanitário III

Escola Municipal Dom Helder Câmara – Rua Joamir Severino dos Santos, s/n

Centro Cultural Tenente Lucena (R. Josefa Taveira – Mangabeira)

Escola Municipal Radegundes Feitosa (R. Dona Cândida Formiga de Souza – José Américo de Almeida)

Escola Municipal Quilombola Antônia dos Santos Machado (PB-008 – Paratibe)

Escola Municipal Professor Afonso Pereira da Silva (R. da Sucupira, s/n – Cidade Verde II)

Escola Municipal Olívio Ribeiro Campos (R. Esmeraldo Gomes Vieira, 195 – Bancários)

Distrito Sanitário IV

Escola Municipal Luz Augusto Crispim – Avenida Tancredo Neves, s/n, Bairro dos Ipês

Ginásio Ivan Cantisani – R. Juvêncio Mangueira Carneiro, Tambiá

Instituto Federal da Paraíba (IFPB) – Rua Primeiro de Maio, Jaguaribe

Escola Municipal Violeta Formiga (R. Alfredo José Athaíde, s/n – Mandacaru)

Distrito Sanitário V

Escola Municipal Leonel Brizola – Rua Maria Caetano Fernandes de Lima, 488, Tambauzinho.

Escola Municipal Seráfico da Nóbrega – Rua Ubirajara, 36, Manaíra

Escola Municipal Chico Xavier – Rua Elesbão Santiago, s/n, Bessa

Centro da Pessoa Idosa (R. Ana Guedes Vasconcelos – Altiplano)

Fases da vacinação

Primeira etapa

  • Início: 19 de janeiro
    Trabalhadores da linha de frente de combate à covid-19.
    Situação: concluído
  • Início: 28/01
    Trabalhadores da Atenção básica.
    Situação: concluído
  • Início: 25/01
    Pessoas a partir de 60 anos institucionalizados (em asilos ou abrigos)
    Situação: concluído
  • Início: 29/01
    Idosos acamados ou impossibilitados de locomoção (80+)
    Situação: em andamento
  • Início: 10 de fevereiro
    idosos a partir de 90 anos
    profissionais que colhem o RT PCR para teste da doença
    profissionais da saúde a partir de 60 anos
    profissionais do sistema funerário
    cuidadores domiciliares ativos no home care
  • Início: 1 de março
    idosos a partir de 89 até 80 anos (ordem decrescente)
  • Início: 08 de março
    Idosos a partir de 79 anos até 75 (ordem decrescente)
  • Início: 13 de março:
    Idosos a partir de 74 até 70 anos

Segunda etapa

  • Início: 20 de março
    Pessoas com 69 anos ou mais
  • Início: 22 de março
    65 anos ou mais
  • Início: 01 de abril
    Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) ou Síndrome de Down
  • Início: 03 de abril
    60 anos ou mais

Terceira etapa

  • Início: 8 de abril
    Pessoas com comorbidades
  • Início: 26 de abril
    Comunidades quilombolas

Quarta etapa

  • Trabalhadores de educação
  • força de segurança e salvamento
  • funcionários do sistema prisional e presidiários.

PERGUNTAS E RESPOSTAS

Qual a quantidade de vacinas em João Pessoa para a primeira fase?

No primeiro lote foram 15.161 doses do imunizante. Já a segunda remessa foi de 11.850 doses.

Como posso saber quem e quantas pessoas já se vacinaram?

Na aba “Vacinação Covid-19”, no Portal da Transparência, você encontra o Vacinômetro e outras informações, como lista de vacinados e perguntas frequentes.

Todos os profissionais da saúde serão vacinados ou só alguns específicos?

Serão vacinados todos os trabalhadores que estão atuando em hospitais de referência da Covid-19, primeiramente, depois os que atuam em toda a rede hospitalar e Atenção Básica.

Os profissionais de saúde da iniciativa privada também poderão se vacinar?

Sim, quando chegar as orientações e o chamamento convocando novos grupos ou ampliação do público alvo para se imunizar.

Haverá prioridade para os idosos e deficientes dentro do grupo de Profissionais da saúde.

A vacinação foi feita por local de trabalho, sendo aplicada em idosos primeiro, de todas as categorias de trabalhadores de  hospitais e UPAS que atuam na linha de frente.

Qual vacina a Paraíba recebeu na primeira fase?

O primeiro lote de vacina foi da Coronavac, desenvolvido pelo laboratório Sinovac em parceria com o Butantan, é uma vacina contendo o vírus SARS-CoV-2 inativado.

Qual a porcentagem de eficácia dessa vacina?

A Coronavac tem eficácia mínima de 50,38% para casos graves, acima dos parâmetros exigidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela Anvisa. Já o resultado de eficácia dos casos leves, em pacientes que precisaram receber alguma assistência médica, foi de 77,96%. E 100% contra casos de mortes.

É preciso levar o cartão de vacinação?

Sim, mais um documento de identificação com foto e documento contendo o número do cpf

Quais documentos preciso levar?

Basta apresentar o documento pessoal com foto e documento contendo o número do cpf Mas quem faz parte dos grupos prioritários deve comprovar essa condição. Será necessário comprovante de local de trabalho, documento pessoal, exames médicos e receitas de medicação de uso contínuo.

Quais os locais de vacinação do público geral?

Ginásios espalhados pelos bairros (descritos acima) ou por Drive thru (locais a serem definidos). Pessoas acamadas serão vacinadas em domicílio.

É obrigatório o uso de máscara para se vacinar?

Sim, o uso da máscara é obrigatório nos ginásios e no drive thru.

Vou viajar, posso furar a fila?

A vacinação obedecerá o cronograma estabelecido, não sendo permitido furar a fila.

Não aceito essa vacina da China, só tomo se for outra.

A princípio, a vacina ofertada pelo Governo Federal é a do Instituto Butantan, que além dessa, produz outras vacinas que fazem parte do calendário de rotina do SUS.

Idosos a partir de 75 anos tomarão ainda nesta primeira fase?

Sim. Fazem parte do grupo prioritário.

Por que professores não vão se vacinar agora?

Professores não fazem parte do grupo prioritário. Cada grupo é uma etapa e segue as recomendações e orientações do Ministério da Saúde. 

O comércio que fica aberto deveria ter prioridade

Seguimos o protocolo, recomendações e orientações do programa nacional de imunização do Governo Federal.

Minha região não tem posto de saúde. Pra onde vou?

Pode buscar informações na gerência de atenção  básica pelo 3214-7955, ou na Ouvidoria da saúde, pelo número 160. Cada território tem uma referência para imunização, inclusive as áreas descobertas.

Minha avó é idosa e não tem como ir se vacinar. A vacinação pode ser feita em casa?

Quando chegar a hora desse grupo e ela for acamada ou impossibilidade de locomoção, sim; do contrário, deve procurar um posto mais próximo de sua casa para receber a vacina.

Como faço o agendamento para a vacinação em casa?

Deve entrar em contato com o agente de saúde de referência para sua assistência ou, caso seja de área descoberta, ligar para o sad: 3214-7149 ou ainda na USF mais próxima.

Se alguém do grupo de risco da minha família não quiser tomar eu posso tomar no lugar dela?

Não. Mas a expectativa é que a vacina chegue para todos, dentro das orientações do MS. Cada um deve esperar o seu chamamento, que será divulgado na imprensa de forma geral.

Em outro estado minha prima da minha idade já tomou, por que não posso logo?

Se ela não for profissional de saúde, que é a prioridade, deve estar em algum grupo que o local deva ter priorizado. Em João Pessoa, seguimos os protocolos e critérios técnicos.

As categorias podem mudar?

Os grupos prioritários seguem o planejamento do Governo Federal. 

Sou obrigado a tomar essa vacina?

A vacina não é obrigatória, porém, a imunização coletiva traz mais resultados contra a doença, pois ainda há pessoas que não podem se vacinar por causa das contra-indicações.

O que acontece se eu decidir não me vacinar?

Você não será protegido e continuará vulnerável ao coronavírus, com risco de sérias complicações da Covid-19.

Quem já pegou Covid-19 precisa tomar?

Sim. A vacina independe se a pessoa tem, já teve ou não teve a doença.

Quais são as contra-indicações?

Não poderão ser vacinados aqueles menores de 18 anos, lactantes, puérperas e gestantes. Ainda há as contraindicações para pessoas que apresentem sintomas compatíveis com a clínica para Covid-19. Aquelas pessoas que tiveram diagnóstico positivo recente da doença deverão aguardar 28 dias para poder receber a dose do imunizante.

Quais as possíveis sequelas da vacina?

Os estudos não apontam sequelas, mas devem ser observadas as contra indicações.

Tenho medo de tomar. Ouvi falar que vou morrer e que terei um chip implantado no braço.

Essas notícias são fake. Informe-se apenas por fontes seguras, como a Anvisa.

Quais os horários e locais de vacinação?

Horários de funcionamento da Unidade. Postos móveis ainda não possuem locais e horários definidos.

Por que apenas 4h de vacinação? Assim vai gerar aglomeração.

A vacinação é organizada dentro de um planejamento, que inclui logística e organização de profissionais. Ainda há o tempo de condicionamento do imunizante. Tudo isso implica no planejamento criado para realização da ação.

Cheguei no local de vacinação indicado e já não tinha mais. Posso ir em outro ponto tomar a vacina?

Sim.

Agora que estou vacinado, posso andar sem máscara e aglomerar com meus amigos que tomaram?

Não. A vacina por enquanto é para diminuir o número de doentes e evitar mais mortes. O vírus vai continuar circulando.

Vou precisar usar máscara pra sempre?

A princípio precisamos ter uma segurança sanitária e de saúde pública. Portanto, ainda então não houver essa segurança, o uso de máscara segue obrigatório.

Meu cartão do SUS não é de João Pessoa. Posso me vacinar mesmo assim?

Sim, mas é interessante que o usuário atualize o documento com dados mais atuais nos serviços de saúde.

Pessoas das cidades vizinhas poderão se vacinar em João Pessoa?

Não.

Quando acontecerão as próximas etapas? 

Ainda não sabemos. Será de acordo com novas remessas da vacina enviadas para o município e das orientações do Ministério da Saúde.