Dança

Coreógrafo Caio Nunes ministra workshops em João Pessoa

10/11/2023 | 10:00 | 272

Professores de dança das redes pública e privada participaram, nesta quinta-feira (9), do primeiro dia de workshop com o bailarino e coreógrafo Caio Nunes, no Hotel Globo, uma iniciativa da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope). Nesta sexta-feira (10), será na Estação Cabo Branco, no Altiplano, a partir das 14h, voltada para dançarinos a partir de 12 anos previamente inscritos. Todas as vagas foram preenchidas para os dois dias do evento, que é acompanhado de perto pela equipe da Companhia Municipal de Dança de João Pessoa.  

“Esse trabalho é parte do nosso projeto de fortalecimento da dança no município de João Pessoa. Estamos com várias frentes de trabalho: a Companhia Municipal de Dança, oficinas nas comunidades e ofertando também essas oficinas com o Caio Nunes, assim como outros profissionais que já nos visitaram como forma de qualificarmos os nossos profissionais da dança e, com isso, fortalecer a dança como um todo na cidade”, disse o diretor executivo da Funjope, Marcus Alves.  

Ele avalia que foi um momento muito especial, sobretudo, pela dedicação do coreógrafo Caio Nunes ao dialogar com os professores que estiveram no workshop. Com isso, segundo ele, ganha o público de João Pessoa, que passa a ter profissionais qualificados; ganham os profissionais da dança, que a cada momento podem renovar os seus conhecimentos e suas experiências, o que é muito significativo para a Funjope e para a Prefeitura de João Pessoa.  

A diretora da Companhia, Stella Paula Carvalho, afirma que a aula foi um sucesso. “Foi emocionante ver os professores do Município, das bandas marciais, das escolas públicas tão interessados. Também algumas escolas particulares participaram, entre elas, a de Cabedelo. Ao final, todos agradeceram. Os professores amaram e pediram que fizéssemos outras ações como esta”, relatou.  

O workshop, conforme acrescentou, teve uma parte teórica sobre a dança e suas modalidades. Em seguida, aconteceu a aula prática que Stella considerou um momento muito construtivo.  

Para o coreógrafo e bailarino Caio Nunes, a tarde foi muito especial. “As pessoas estavam muito interessadas, algumas da rede pública, outras de escolas particulares. Foi um encontro para os profissionais de dança, professores, coreógrafos de João Pessoa e, desta vez, que é um retorno, foi muito interessante a troca, porque minha fala acabou entrando em um lugar sobre criação, formação, mercado”, afirmou.  

Ele entende que, embora o tempo seja pequeno, é muito válido. “Pude abrir para eles perguntarem, para que se colocassem. Falamos não só sobre a dança no Brasil, mas os festivais de dança, o Carnaval brasileiro, porque trabalhei durante muitos anos nessa área, e depois fizemos uma prática”.  

Caio lembra que foi feito um breve aquecimento. O bailarino passou uma célula coreográfica e os ‘alunos’ responderam muito bem. A célula teve uma marca criada por ele, que pediu também para que o grupo contribuísse depois com uma improvisação a partir de argumentos sugeridos pelo coreógrafo.  

“Foi muito bonito e muito especial. No final, senti uma verdade corporal. Foi um entardecer lindo, lá é muito bonito, alto astral, e foi tudo muito bem conduzido. Fomos recebidos com muito carinho, de uma forma bem querida. Acho que a dança de João Pessoa tem um potencial muito grande, vocês têm muitos talentos aqui, e esse tipo de projeto, com novos olhares, com outros profissionais, é de uma grande soma, uma grande troca cultural para ambas as partes”, acrescentou.  

O coreógrafo – Caio Nunes começou os estudos de ballet na antiga escola do Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Há mais de 15 anos, coreografa grandes comissões de frente, como Unidos de Vila Isabel, Grande Rio, Salgueiro, Vila Isabel, São Clemente e Império Serrano. Atualmente, é diretor da Companhia que possui o seu nome e coreógrafo de Modern Jazz e Teatro Musical.  

O bailarino dirige montagens coreográficas em peças de teatro, shows, desfiles e convenções, além de ser responsável há mais de 25 anos pela preparação corporal de diversos atores, atrizes e cantores de televisão, cinema e teatro. Na televisão, passou pela TV Manchete, SBT e TV Globo, participando diversas vezes do júri técnico do quadro Dança dos Famosos, no Domingão.