'Bica Solidária'

Entrada no Parque Arruda Câmara será de 1kg de alimento nos finais de semana de janeiro

12/01/2024 | 19:00 | 596

Neste período de férias, o Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica) é um destino imperdível na capital paraibana. Neste sábado (13) e domingo (14), acontece o ‘Bica Solidária’, que proporciona ao visitante pagar a taxa de entrada com 1kg de alimento não perecível e colaborar com uma ação social de doação de alimentos. O Bica Solidária é um projeto que acontece nos finais de semana do mês de janeiro e tem como objetivo estimular a solidariedade e, ao mesmo tempo, promover a preservação ambiental.  

Cada quilo de alimento doado proporciona a entrada de um adulto e uma criança no parque. Com uma diversidade de atrações, o local encanta visitantes de todas as idades e lugares, oferecendo, além das atrações do lugar, uma programação especial de férias, com atividades temáticas e demonstrações educativas que enriquecem a visita, tornando-a ainda mais envolvente para toda a família.  

A programação das férias é gratuita, bastando apenas pagar a taxa ambiental de entrada no parque durante a semana, e acontece até o final do mês de janeiro, pela manhã e à tarde.   Com quase 24 hectares de puro verde com mata nativa e resquícios de Mata Atlântica, o parque é um paraíso natural na área central da cidade, com trilhas que são um verdadeiro mergulho na biodiversidade local e que conduzem ao lago das Cinco Fontes, onde as águas da bica central deságuam, criando um cenário ideal para fotos com os amigos e a família.  

No parque, além de se encantar com a beleza do local, os visitantes podem conhecer os animais silvestres e exóticos, provenientes de tráfico de animais e cativeiro, que estão aos cuidados do zoológico, e entender a importância da preservação do meio ambiente acompanhando as atividades preparadas pelos educadores ambientais. O recinto das aves proporciona um momento único de encontro e aprendizado com esses belos animais, enquanto o serpentário revela o mundo dos répteis.    

O Parque Arruda Câmara conta com praças com lanchonetes, mas os visitantes podem realizar piqueniques em mesas ou nos gramados e desfrutar de opções de lazer, como o trenzinho, que oferece um passeio divertido pelas trilhas do lugar. Os pedalinhos no lago proporcionam momentos de aventura e os pontos instagramáveis espalhados pela área central do parque garantem registros fotográficos memoráveis.  

Seja para apreciar a vida selvagem, explorar trilhas, relaxar junto às fontes ou se divertir nas atividades recreativas, a Bica se destaca como uma opção completa para quem busca uma experiência única em meio à natureza durante as férias na cidade, sendo uma das melhores opções de lazer em família ou grupo de amigos.  

Segundo o diretor do parque, Renato Braga, a programação de férias contempla crianças, adolescentes e até aquele adulto que quer entrar na brincadeira, também. “A programação, de terça a sexta-feira, acontece com os educadores ambientais, onde eles vão fazer trilhas para o pessoal encontrar pássaros e outros animais de vida livre, tem a entrada no Recinto das Aves, a atividade educativa Lixo Zero, que, ao final, premia quem recolher mais lixo; vamos ter o conhecimento dos insetos existentes dentro do parque e confeccionar uma casinha para eles”, afirmou.  

“Nos finais de semana, a gente tem uma programação mais lúdica, com palhaço e pintura de rosto para crianças. A gente também vai ter nesse final de semana o E-games, que são jogos eletrônicos e Just Dance, em videogame e computador. Teremos também o Bica Solidária, quando o visitante pode trocar 1kg de alimento por dois ingressos, além de todas as belezas naturais do local”, complementou Renato Braga.  

Para um passeio mais tranquilo para visitantes e animais existentes no local, não é permitida a entrada no parque com animais domésticos, como cães e gatos, exceto cães-guia e animais de suporte devidamente documentados; bebidas alcoólicas; bexigas e balões de festas, nem aparelhos sonoros, como caixas de som ou instrumentos musicais.  

História do parque – Inaugurado em dezembro de 1922, o parque traz em seu nome uma homenagem a Manoel Arruda Câmara, que, entre outras atividades, era botânico e pesquisador da flora brasileira, mas o local ficou conhecido popularmente por ‘Bica’, devido à nascente d’água existente na área central do parque. Uma guerra entre tribos, o amor entre os indígenas Tambiá e Aipré e 50 luas de choro formam a lenda que fala sobre a origem da nascente d’água da Bica.  

Programação de férias:

Terça-feira:

Manhã – a partir das 8h30

Tarde – a partir das 14h

Passarinhar, com entrada no Recinto das Aves ao final da trilha (limite de 20 pessoas por turno). Necessário agendar através do telefone 3213-7024.  

Quarta-feira:

Manhã – a partir das 8h30

Tarde – a partir das 14h

Desafio do Lixo Zero! Quem coletar a maior quantidade de resíduos será premiado.  

Quinta-feira:

Manhã – a partir das 8h30

Tarde – a partir das 14h

Aventure-se na descoberta dos animais de vida livre nas trilhas. Pela manhã, também acontece o banho de sol dos répteis, às 9h.  

Sexta-feira:

Manhã – a partir das 8h30

Tarde – a partir das 14h

Conecte-se com a natureza, aprenda sobre aracnídeos e besouros e construir casas para esses pequenos animais.  

Sábado:

9h às 13h – E-Games (jogos eletrônicos e Just Dance), na sede do CIMEA/Bica.  

Sábado e domingo:

Manhã e Tarde – programação artística, com palhaço e pintura facial infantil.  

Serviço – Localizado na Avenida Gouveia Nóbrega, s/n – Roger, o Parque abre de terça à domingo, das 08h às 17h. A bilheteria funciona apenas até às 16h. Durante o mês de férias não fecha para almoço. A taxa ambiental de entrada custa R$ 3,00. Crianças com até 7 anos, PcDs e idosos acima de 65 anos não pagam entrada.