Manhã desta sexta

João Pessoa registra mais de 120 milímetros de chuvas e Prefeitura mantém equipes em alerta 24 horas

21/01/2022 | 12:30 | 405

A chuva intensa que caiu sobre a Capital paraibana na manhã desta sexta-feira (21) causou alagamentos em 15 pontos da cidade gerou transtornos ao cidadão pessoense mas, graças ao trabalho de prevenção, os danos foram minimizados. Para que se tenha uma ideia, em janeiro de 2021, João Pessoa tinha 110 pontos de alagamento, conforme dados da Secretaria de Infraestrutura. Nesta sexta, dos 15 pontos registrados, em apenas um, após uma hora, a água não tinha baixado.

Segundo a Defesa Civil do Município, o local onde mais choveu foi o Centro, registrando um acumulado de 121,4 milímetros (mm), enquanto o Altiplano registrou o menor volume, 13,8 mm, desde a madrugada. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) é de que as precipitações continuem até as 9h deste sábado (22) na Capital e em outros municípios da Região Metropolitana.

O vice-prefeito de João Pessoa, Leo Bezerra, que visitou vários pontos de alagamento na manhã de hoje, registrou que a Capital possui um plano de contingência pronto para situações como esta. E que, apesar dos relatos de danos materiais, felizmente até o momento não há desabrigados. “Estamos solidários ao sofrimento de cada uma das pessoas que sofreram com estas chuvas e principalmente estamos trabalhando no acolhimento e na solução dos problemas, buscando fazer o levantamento dos danos materiais”. E completou: “Reiteramos nosso compromisso de cuidar das pessoas 24 horas por dia”.

De acordo com o diretor de Minimização de Desastres da Defesa Civil de João Pessoa, Antônio Esteves, o alerta de chuva forte chegou por volta das 3h da madrugada e a precipitação foi intensa por volta das 6h. Todo o sistema de Defesa Civil foi colocado em operação imediatamente.

A Prefeitura mantém em alerta 24 horas toda a sua estrutura para atender possíveis ocorrências causadas pelas chuvas. “A Defesa Civil trabalha em conjunto com outras secretarias do Município, colocando as equipes da Semob, Sedurb, Semam, Emlur e Seinfra nas ruas para atender as demandas”, frisou.

Em caso de urgência, a população deve ligar para a Defesa Civil através dos números: 0800.285.9020, 3218.6146 ou 98831.6885.

Precipitações registradas nesta sexta-feira pelos pluviômetros nos sete bairros foram as seguintes: Centro (121,4 milímetros); Cristo (91,6 mm); Cuiá (82.6 mm); Tambauzinho (90,6 mm); Grotão (51.4); Manaíra (29,8 mm) e Altiplano (13,8mm).  

Durante a manhã desta sexta, levantamento da Defesa Civil mostra que as chuvas provocaram vários alagamentos e as equipes da Prefeitura atuaram nos seguintes pontos: principal dos Bancários, imediações do Viaduto do Cristo, nas proximidades da CBTU, no Varadouro, ao lado da Central de Polícia, no bairro do Geisel, Avenida Pedro II, na lateral da rodoviária e na Avenida Hilton Souto Maior (Auto Trevo). Também foram registrados vários problemas com desligamento de semáforos, atendidos pela Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP). A Defesa Civil registrou também que na Avenida Epitácio Pessoa, na altura do Colégio Lourdinas, pela primeira vez em vários anos não houve alagamento.

Também houve queda de dois muros – um na comunidade de Lagoinha, em Cruz das Armas, e outro no Roger – e de duas árvores nos bairros de Manaíra e Mandacaru, ocorrências atendidas pela Defesa Civil e Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb). Houve também falta de energia em várias localidades, inundação de uma residência no bairro do Róger e limpeza de rios nos bairros do Alto do Mateus e Mandacaru.

Seinfra- A Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) informa que o atendimento através do call center, no número 0800 031 1530, está temporariamente suspenso devido uma falha no sistema provocada pelas fortes chuvas desta sexta-feira. A população pode solicitar os serviços pelo site da Prefeitura de João Pessoa, na plataforma ‘Prefeitura Conectada’.

A Seinfra informa ainda que a Operação Tapa-Buraco desta sexta foi interrompida para as equipes priorizarem os serviços de urgência nos locais da cidade onde foram registrados buracos e alagamentos provocados pelas chuvas.Ruas do Cristo e Esplanada estão sendo monitoradas, para execução de serviço logo após a redução do volume de água em pontos mais críticos. Já os serviços de limpeza e desobstrução de galerias seguem a programação desta sexta.

Trânsito – A Semob-JP trabalhou de maneira intensiva desde as primeiras horas desta sexta-feira para reduzir os transtornos causados ao trânsito pelas fortes ocorridas nas últimas horas em João Pessoa. Equipes de agentes de mobilidade urbana foram deslocadas para os pontos onde havia lentidão do tráfego, motivada por alagamentos ou semáforos com problemas, sendo 8 trechos com semáforos em amarelo intermitente e 7 trechos de alagamento.

Contatos – Em casos de urgência no trânsito a população poderá utilizar os números disponíveis da Semob-JP e informar ocorrências, sendo o 9 8760-2134 (WhatsApp) e 118 do Centro Operacional de Trânsito e Transporte (COTT). Após o registro da ocorrência, sendo necessário, equipes serão deslocadas até o local para o atendimento da ocorrência e solução do problema.

Atualização – No final da manhã, todos os semáforos com problemas já tinham sido normalizados pela equipe técnica da DSV, e todos os pontos de alagamentos haviam baixado o volume de água ou secado totalmente, sendo liberados para o tráfego de veículos.

Sedurb- A Sedurb atua com equipes no Mercado de Mangabeira, mais precisamente na agência dos Correios, onde parte do teto cedeu. Também em Mangabeira, na Rua Comerciante José Cândido dos Santos, equipes da pasta dão suporte a uma ação de desobstrução de tubulação, para passagem de água da chuva. As equipes da Diretoria de Paisagismo foram acionadas logo cedo para a Avenida São Gonçalo, em Manaíra, onde uma árvore caiu na madrugada.

Todas as equipes da Sedurb estão de prontidão e à disposição da Defesa Civil. Toda demanda que chega, a pasta direciona agentes para atuar nos espaços necessários.

Emlur – A Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) auxiliou a Seinfra na desobstrução de canal em Mangabeira, próximo ao presídio Sílvio Porto. A equipe aquática da Emlur executou o serviço com a utilização de uma retroescavadeira e encontrou resíduos de árvores na área de tubulação. Após as 8h, o nível da água já estava descendo, voltando à normalidade. Em Manaíra, uma árvore caiu na Rua São Gonçalo. A Sedurb cortou a árvore e a Emlur utilizou um veículo para fazer a trituração e coletar o material.