Ação segue até sexta-feira

Mães participam da Semana de Doação de Leite Humano no Instituto Cândida Vargas

17/05/2022 | 15:30 | 195

Um bate papo cheio de conhecimentos e trocas de experiências. Na manhã desta terça-feira (17), as mães que estão no Instituto Cândida Vargas (ICV) participaram de uma roda de conversa sobre mitos e verdades da amamentação e doação de leite humano. A programação da Prefeitura de João Pessoa segue nesta quarta-feira (18), com mobilização a beira leito para captação de doadoras na maternidade, abordagem sobre doação de leite, entre outras atividades.

Para Maria Suênia, que está alojada na Casa Mãe Bebê, anexo do ICV, os conhecimentos adquiridos somaram para o processo de amamentação e doação. “Eu já sabia algumas coisas, mas o que a gente ouviu aqui acrescentou para minha vida, da minha filha e para outras mães. Doar leite humano é muito importante, pois levamos para outras crianças esse grande alimento. Só tenho a agradecer as meninas do Banco de Leite”, disse.

A campanha, que traz o tema ‘Doação de Leite Humano: Gotas de amor para um mundo melhor’, tem o objetivo de sensibilizar as mães sobre a importância de doar leite durante todo o ano, visando o aumento no número de novas doadoras voluntárias e do volume de leite humano coletado e distribuído.

“Hoje demos continuidade a nossa programação da semana de doação de leite materno. É uma semana que reforçamos nossa imensa gratidão a nossas doadoras, essas que são anjos na vida dos bebês que lutam nas UTIs pela vida juntamente com suas famílias. Também é uma semana mais ativa de sensibilidade e apoio à amamentação bem como a doação de leite materno”, disse a coordenadora do Banco de Leite do ICV, Malu Tavares.

Ainda segundo Malu, um litro de leite materno doado pode alimentar até 10 recém-nascidos por dia. “Dependendo do peso do prematuro, 1 ml já é o suficiente para nutri-lo, cada vez em que ele for alimentado. Os bebês que estão internados e não podem ser amamentados pelas próprias mães têm a chance de receber os benefícios do leite materno com a sua doação”, completou.

As atividades, que foram planejadas pela equipe do Banco de Leite Humano Zilda Arns, seguem até a sexta-feira (20) e acontecem na maternidade. Serão palestras, rodas de conversas, entrega de lembranças e distribuição de certificado para as doadoras.

A Semana de Doação de Leite Humano é uma iniciativa para a proteção e promoção do aleitamento materno, voltada para a sensibilização da sociedade sobre a importância da doação para salvar vidas.

O Instituto Cândida Vargas dispõe de um posto de coleta para atender as mães internas, fornecendo orientações a respeito do aleitamento e dos cuidados necessários para que a amamentação seja um ato prazeroso, tanto para mãe como para o bebê.

Como doar – As interessadas em doar leite materno devem ligar no 3214-1390 ou entrar em contato via WhatsApp 98795-8192 e fazer o cadastro e/ou agendamento.

O leite doado, quando chega ao banco, recebe todo o processo de qualidade e avaliação para depois ser distribuído para os bebês prematuros, com critérios de distribuição solicitados pelo médico, nutricionista e pediatra responsáveis pelo plantão. O leite tem que ter a caloria e acidez necessária para o bebê.

Programação da Semana Mundial de Doação de Leite:

Quarta-feira (18)

14h – Mobilização para captação de doadoras na maternidade

– Distribuição do certificado digital de doadoras de leite humano do BLH

– Distribuição de cartazes de doação nas UBS

– Abordagem na maternidade sobre a importância da doação de leite humano

– Entrega de lembranças para cada doadora durante as rotas

Quinta-feira (19)

– Intensificação da campanha junto às puérperas da maternidade

– Café da manhã para confraternizar com as doadoras

Sexta-feira (20)

– Palestra: Doação de Leite Humano: O que podemos fazer mais?

– Homenagem às doadoras de leite humano