'Eu Posso'

Prefeito libera R$ 2,3 milhões em crédito para empreendedores da Capital

15/08/2022 | 16:52 | 418

A economia de João Pessoa ganhou mais uma injeção de recursos e mais um grupo de empreendedores qualificados. Na tarde desta segunda-feira (15), o prefeito Cícero Lucena e o vice-prefeito Leo Bezerra liberaram cerca de R$ 2,3 milhões em crédito para 423 negócios, novos ou antigos. O ato faz parte do programa ‘Eu Posso’, que qualifica e incentiva o empreendedorismo da Capital.

“Nosso governo é focado na missão de cuidar das pessoas e isso inclui muitos fatores, inclusive a promoção do emprego e renda para que as pessoas possam viver com dignidade. Apostar nos nossos empreendedores é uma forma de fazer isso, pois fortalece e amplia os negócios, aumentando a oferta de vagas de trabalho e desenvolvendo a economia local. Essa é uma meta que alcançaremos juntos”, afirmou o prefeito.

Para chegar à concessão do recurso, os proponentes passaram por uma série de etapas: capacitação; apresentação do plano de negócios; análise de crédito; entrega do Certificado do Empreendedor Municipal (CEM) e, finalmente, a concessão do crédito. Conforme estabelecido no edital, o limite de crédito para pessoa física é de R$ 6 mil. Já para pessoa jurídica, o teto é de R$ 8 mil para quem tinha menos de seis meses de formalização no ato da inscrição e de R$ 10 mil para quem tinha mais de seis meses.

A secretária municipal do Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Vaulene Rodrigues, explicou que o momento é de consolidação dos selecionados no último edital do programa. “Este é um programa transparente, aberto a todos, que recebe pessoas físicas e jurídicas, ou seja, tanto quem está iniciando quanto quem já tem um negócio desenhado. Esse grupo já passou por mentorias, pelo desenho de um plano e agora recebe recursos que são individualizados, com um valor definido de acordo com sua necessidade”, explicou. A partir de agora, os beneficiados serão acompanhados pela equipe pós-crédito, que tem o objetivo de garantir a sustentabilidade dos empreendimentos.

O governador João Azevedo foi representado pela secretária estadual do Desenvolvimento Econômico, Rosália Lucas, que manifestou o interesse de replicar o programa nos diversos municípios do Estado. “Vamos estreitar a parceria do nosso programa Empreender com a Capital e trabalhar para viabilizar a criação e o fortalecimento dos pequenos negócios”, destacou.

Histórias – Entre os empreendedores, estava Wallas Carlos de Lucena, proprietário de uma empresa que fornece toalha para banho e tosa de animais em petshops. O negócio, que existe há cerca de dez anos, sofreu com os impactos da pandemia. “Perdi alguns clientes e o capital de giro precisou ser destinado a outras necessidades”, observou.

Com o crédito do Eu Posso, ele agora pretende dar um upgrade no projeto. “Como os clientes estão voltando, sinto necessidade de renovar as máquinas de lavar, ampliar meu espaço e, principalmente, investir em mais toalhas”, disse.

Já a empreendedora Anna Karla Lopes Lira aproveitou a pandemia para iniciar seu próprio negócio. Ela trabalha como supervisora de recepção em uma escola. Em agosto de 2020, abriu uma loja on-line de moda praia, para levantar uma renda extra.

“O começo foi bem difícil, pois tive que ir conquistando seguidores, a confiança deles e, claro, apresentar meus produtos. Consegui me firmar, mas agora preciso de capital de giro para renovar o estoque. O crédito vai ser fundamental para isso”, contou.

Parcerias – O evento contou com a presença do vereador Thiago Lucena, do presidente do Conselho Regional de Economia, Francisco Nunes, do gerente da agência regional do Sebrae João Pessoa, Franco Fred, do secretário executivo de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, João Bosco e do coordenador de Curso da Uninassau, Sérgio Ferreira.