Fechando outubro

Tardezinha Inclusiva promove festa do Halloween e garante diversão para crianças no Centro Cultural de Mangabeira

29/10/2023 | 20:00 | 676

A Tardezinha Inclusiva, um dos braços do projeto Somos Capazes – Inclusão pela Arte -, realizou sua 22ª edição neste domingo (29), no Centro Cultural de Mangabeira. O evento, realizado pela Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) e Associação Paraibana de Autismo (APA), apresentou o tema Dia das Crianças – Uma Festa de Arrepiar -, alusivo ao Halloween.  

O evento se consolidou no calendário das famílias que participam, mas também no calendário cultural da cidade. Para Marcos Alves, diretor executivo da Funjope, esse momento é de muita alegria para a Prefeitura de João Pessoa em poder proporcionar uma ação que ajuda a promover a socialização dessas crianças. “O público adotou a Tardezinha, uma iniciativa que há dois anos foi abraçada pela sociedade e só tenho a agradecer a todos que estão aqui hoje, em mais um momento em que celebramos a diversidade. João Pessoa é a única capital que mantém esse tipo de política pública e queremos fazer ainda mais”, completou.  

Suênia Cheila é mãe de Maria Vitória, de 14 anos, que tem paralisia cerebral e fez questão de comparecer a Tardezinha Inclusiva contribuindo com o tema desta edição. “Ela acompanha no Instagram e quando sabe que terá a Tardezinha já fica empolgada e se preparando para vir se divertir. A gente vem principalmente para melhorar o contato dela com outras crianças e já percebemos diversas melhoras, em complemento ao que já fazemos por ela acessando serviços da Prefeitura. Ela vai pra escola, tem o apoio da cuidadora nas aulas e tem acompanhamento com terapia ocupacional que a Prefeitura disponibiliza”, reforçou.  

Durante a Tardezinha aconteceram diversas apresentações musicais, com a Turma Tá BLZ com a cantora Nik Fernandes e o DJ Jhony Fernandes, apresentação musical da Disney com os personagens Mickey, Minnie, Pateta, Margarida e encenação do clássico A Bela e a Fera. Os palhaços Kika e Baba Baby estiveram animando a plateia entre cada atração principal. Houve apresentação dos cantores autistas Ana Beatriz, Anthony Marques e Lucas, e ainda dos cantores convidados kids Rafael Starr, Rodriguinho e Anna Clara Dias, ex-The Voice Kids.  

Hosana Carneiro, presidente da Associação Paraibana de Autismo (APA), ressaltou a importância de as famílias trazerem as crianças ao evento. “Sou psicopedagoga e sei o quanto é importante que as crianças possam ter um ambiente para trabalhar e melhorar a sua sociabilidade. A ideia da Tardezinha Inclusiva é essa: que as crianças possam conviver com outras crianças e tenham a possibilidade de se divertir, um momento de alegria e conexão maior com todos ao seu redor”, reforçou.


Durante o evento também aconteceram oficinas de gesso, de artes, de jogos de tabuleiro, de máscaras, de biscoitos com a nutri kids Janete Diniz, oficina de trancista e estética com Sandra Duartti. A decoração infantil ficou por conta da Sofia Festas. A equipe da Escola Técnica São Vicente de Paula ofereceu serviços de saúde. Nos estandes da Feirinha Inclusiva foram comercializados produtos diversos feitos pelas mães. Houve ainda atendimento com as assistentes sociais da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e jurídico com advogados do escritório Jansen Dornelas.