Flash mob

Programação no Busto de Tamandaré encerra ações de combate ao trabalho infantil

30/06/2022 | 21:00 | 146

Com o objetivo de sensibilizar e convidar a sociedade a refletir sobre as consequências do trabalho infantil, a campanha de combate ao tema contou com diversas ações durante o mês de junho, destacando a importância do cumprimento dos direitos de crianças e adolescentes e reforçando os diálogos de combate e proteção. Para finalizar a programação, nesta quinta-feira (30), equipes da Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania (Sedhuc) e da Secretaria Municipal de Turismo (Setur) realizaram um flash mob no Busto de Tamandaré.

O secretário de Direitos Humanos e Cidadania de João Pessoa (Sedhuc), João Corujinha, destacou a importância da campanha e reforçou que o trabalho é contínuo. “Ações como esta são necessárias para chamar atenção da população para esse assunto, mas o nosso trabalho não finaliza com a campanha. Temos um compromisso diário com as crianças e adolescentes dentro dos nossos serviços, onde existe uma rede de proteção e combate a violação de direitos”, reforçou.

A parceria com a Secretaria de Turismo (Setur) aconteceu pela primeira vez neste ano e o chefe de infraestrutura e serviço de apoio ao turismo, Vinícius Brito, evidenciou a importância dos profissionais do setor estarem inseridos em debates sobre a violação de direitos. “A Secretaria já vem desenvolvendo um trabalho relacionado ao enfrentamento à exploração sexual de crianças e adolescentes no turismo e surgiu essa oportunidade de aderir à campanha de combate ao trabalho infantil. Então, entramos com o apoio institucional da Setur realizando um workshop voltado aos profissionais do turismo para reforçar algumas informações, esclarecer alguns mitos e compreender melhor o trabalho infantil”, relatou.

As ações realizadas neste mês incluíram flash mobs e rodas de conversa nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), com o tema ‘Criança não deve trabalhar, infância é para sonhar’, promovidos pela Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania (Sedhuc); e rodas de diálogos nas Cozinhas Comunitárias e Centros de Referência da Cidadania (CRCs), promovidas pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes).

A campanha foi realizada em parceria com as Secretarias de Turismo (Setur), Educação e Cultura (Sedec), além do Ministério Público (MP), Conselho Municipal de Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA-JP), Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Fepeti) e a Fundação Abrinq.