Cuidar ICV

Mães do Instituto Cândida Vargas aprendem técnica ‘Shantala’ para aplicarem em seus bebês

02/05/2022 | 19:30 | 367

Uma técnica que ajuda no alívio de cólicas e promove relaxamento e momentos de afeto entre pais e o bebê. Esse conhecimento foi passado para mães do Instituto Cândida Vargas (ICV) que, na tarde desta segunda-feira (02), participaram de uma oficina de Shantala. A iniciativa fez parte da programação da roda de apoio do projeto ‘Cuidar ICV’, realizado na Casa Mãe Bebê, anexo da maternidade.

O momento foi conduzido por Katia Bond, que compartilhou com as mães como realizar a massagem. Para Cauany Leite, mãe de primeira viagem e que está hospedada na Casa Mãe Bebê, a técnica irá ajudar nos cuidados com o filho. “Meu filho se chama Enzo e estou ansiosa para praticar nele esse ensinamento, pois é muito importante para aperfeiçoar os cuidados com o meu pequeno. Esse momento também nos ajuda a nos manter ocupadas e sempre tendo novos conhecimentos”, disse.

Katia Bond, que é professora de Shantala, Hatha Yoga e reflexologia, destacou os benefícios da técnica. “A Shantala irá ajudar a facilitar o vínculo entre a criança e o adulto, promovendo alívio de cólicas e prisão de ventre, favorecendo a desobstrução nasal e facilitando a respiração. Além disso, melhora a qualidade do sono, aumenta a imunidade e estimula os sentidos do olfato”, ressaltou.

A professora detalhou algumas informações importantes para realizar a massagem. “O bebê não deve estar com fome, nem de barriga cheia. É preciso aquecer as mãos e espalhar pouco óleo nelas antes de tocar o bebê. É importante respeitar a aceitação da massagem pela criança. Após iniciar, mantenha o ritmo constante com uma pressão firme. Aplicar todos os dias, preferencialmente, no mesmo horário e durante o dia. Se o bebê tiver cólica, pode usar os toques a noite, que alivia. Também deve manter contato físico e verbal com o bebê e não mudar a sequência dos toques. A massagem deve ser realizada por aproximadamente 20 minutos”,explicou.

O projeto ‘Cuidar ICV’ é uma parceria com a Associação de Doulas da Paraíba, sendo um espaço de apoio e informação para mulheres no pós-parto, conduzidas pela equipe multiprofissional da maternidade com inserção da doula. Os encontros abordam os mais diversos temas a partir da pedagogia freireana, pautados nas dimensões da educação popular, prezando pela reflexão crítica, amorosidade, ensino aprendizagem com base na criatividade e horizontalidade do saber.

A roda acontece nas primeiras e terceiras segundas do mês, na Casa Mãe Bebê, das 14h às 16h, com a presença de especialistas convidados. A participação ocorre mediante inscrição prévia para as pacientes no puerpério, que é realizada pelo número de telefone (83) 98831-2201.

Casa Mãe Bebê – É um espaço de fundamental importância no âmbito do acolhimento pós-parto. A casa tem como objetivo acolher as puérperas que se encontram em alta hospitalar, todavia, os bebês ainda estão em tratamento na Unidade de Terapia Intensiva ou semi-intensiva.

“Esse projeto tem sido muito benéfico para as mães que estão na Casa Mãe Bebê, pois fala sobre vários temas, com profissionais que compartilham muito conhecimento. As mães de primeira viagem aprendem e fortalecem o relacionamento com os bebês. Essa iniciativa é maravilhosa e pretendemos continuar com esse projeto”, disse a coordenadora da Casa, Claudia Milanez.