Últimos dias

Atualização cadastral do programa Auxílio Moradia acontece até a próxima sexta-feira

12/12/2023 | 13:00 | 626

Os beneficiários do programa Auxílio Moradia têm até a próxima sexta-feira (15) para realizarem a atualização cadastral por meio do aplicativo João Pessoa na Palma da Mão. Até o momento apenas 10% dos 1.600 beneficiados realizaram a ação.

A atualização cadastral acontece regularmente para que sempre se mantenha atualizado o banco de dados da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), pasta, da Prefeitura de João Pessoa, responsável pelo programa. Neste primeiro momento, todo o processo acontece de forma digital, com o envio da documentação necessária e obrigatória utilizando o aplicativo João Pessoa na Palma da Mão, disponível para os celulares com sistema operacional Android ou iOS.

Após baixar o aplicativo no celular, o beneficiário deverá enviar RG, CPF, NIS, foto da carteira de trabalho, número de inscrição na Secretaria Municipal de Habitação, comprovante de residência, comprovante de regularidade escolar dos filhos, certidão de nascimento dos filhos menores de 18 anos, certidão de nascimento ou casamento, os três últimos comprovantes de pagamento de aluguel e dados bancários para realização de pagamento do benefício.

A partir da avaliação dos documentos enviados, acontecerá a segunda etapa, para assinatura do termo de ciência e comparecimento, com data e local a serem divulgados em breve. Caso o beneficiário não realize a atualização cadastral, há a possibilidade de ser excluído do programa e não receberá mais o benefício.

“A atualização cadastral é um rito corriqueiro e exigido na Lei Municipal que rege o benefício do Auxílio Moradia, infelizmente poucos se recadastraram apesar do nosso chamamento público. Também estamos com nossas equipes nos Centros de Referência da Cidadania e na própria Sedes disponíveis aos usuários que não tenham como baixar o aplicativo ou internet em seus celulares. Esperamos que todos os beneficiários do programa enviem a documentação com o objetivo de assegurar sua participação no programa”, reforçou a secretária de Desenvolvimento Social, Norma Gouveia.