Cidades Criativas

Prefeitura de João Pessoa faz intercâmbio com Buenos Aires para discutir implantação de Distrito Criativo

03/08/2022 | 20:00 | 201

A Prefeitura de João Pessoa, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedest), deu início, nesta quarta-feira (3), a um intercâmbio de experiências com Buenos Aires, Capital da Argentina, através de uma reunião on-line. O objetivo é conhecer os trabalhos realizados no país vizinho para criação de distritos criativos e amadurecer a ideia da implantação do projeto na Capital paraibana.

João Pessoa e Buenos Aires fazem parte da Rede Mundial de Cidades Criativas da Unesco: a capital paraibana, no segmento Artesanato; e a argentina, no Design. O contato inicial entre elas aconteceu durante a realização da 14ª Conferência Anual da Rede de Cidades Criativas da Unesco, realizada em Santos, no litoral de São Paulo, no mês passado.

A conexão com a Capital argentina não foi por acaso: a cidade possui quatro distritos, divididos por diferentes eixos criativos. De acordo com a diretora da Economia Criativa da Sedest, Marianne Góes, mesmo João Pessoa e Buenos Aires representando segmentos distintos na rede da Unesco, a troca de experiências é de grande importância para o fortalecimento do projeto que vem sendo estudado para a Capital paraibana. “Estamos trabalhando sempre com essa transversalidade de segmentos. Por isso, quisemos escutar um pouco da experiência deles e entender um pouco do que funcionou por lá, de como eles implantaram”, explicou.

Experiência – Para implantação do distrito criativo argentino, Buenos Aires fez intercâmbio com outras cidades que já tinham passado pelo mesmo processo, como Barcelona, Quito e Londres. “Eles fizeram justamente o que estamos fazendo: conheceram experiências exitosas. A reunião desta quarta-feira foi um primeiro momento, um esforço de benchmark de João Pessoa, junto a uma cidade que detém experiência nessa área. Foi um encontro de cooperação que irá se estreitar ainda mais”, acrescentou Eduardo Barroso, coordenador de projetos especiais da Sedest.

Reunião – A cidade argentina foi representada na reunião desta quarta-feira pela conselheira principal do Ministro da Cultura de Buenos Aires, Magdalena Suarez; e o secretário-geral da Comissão do Patrimônio Cultural e líder de projetos especiais sobre Sustentabilidade Cultural de Buenos Aires, Emiliano Cruz Michelena. Eles fizeram uma apresentação dos quatro distritos criados por lá e apontaram desafios enfrentados.

A Prefeitura de João Pessoa também esteve representada pelo secretário-executivo de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, João Bosco; pelo chefe de gabinete da pasta, Pietro Romário; além de Chico Nunes, Amadeu Fonseca, Karol Janaína e Camille Barbosa, assessores técnicos da secretaria. O encontro contou ainda com a participação de Renata Gadelha, mestranda da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), que desenvolve uma pesquisa acadêmica sobre os Distritos Criativos da Unesco.

Distrito – Nos próximos dias, acontecerá uma segunda rodada do intercâmbio, para que sejam debatidas algumas questões pontuais, dentro do propósito da Prefeitura de João Pessoa de consolidar o projeto do Distrito Criativo na cidade. “Com essa primeira troca de experiências com Buenos Aires, estamos dando um importante passo para o amadurecimento do que estamos concebendo para a nossa Capital, de forma a materializar o nosso Distrito Criativo no Centro Histórico o mais rápido possível”, destacou João Bosco.